O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) do Espírito Santo registrou 63,8 pontos em novembro de 2018, alcançando a maior marca para o índice desde agosto de 2010, quando atingiu 64,9 pontos. O resultado deste mês apresenta um notável aumento de 7,9 pontos em relação ao mês anterior e 5,7 pontos superior a novembro/2017. Vale destacar que o crescimento da confiança do empresário capixaba tem influência do resultado eleitoral.

O ICEI do Brasil obteve uma expansão semelhante ao do Espírito Santo, com um aumento de 9,5 pontos frente ao mês imediatamente anterior e 6,7 pontos superior ao resultado de novembro/2017, atingindo 63,2 pontos em novembro de 2018. Este resultado aponta que a melhora da confiança do empresário industrial não foi exclusividade capixaba, mas sim uma tendência nacional, uma vez que o índice ultrapassou a marca de 60 pontos. A última ocorrência dessa magnitude havia sido no ano de 2011. Além disso, esse resultado é o maior desde setembro de 2010 e está 9 pontos acima da média histórica (54,2).

ÍNDICE DE CONDIÇÕES ATUAIS

Em novembro de 2018, o índice de condições atuais do Espírito Santo apresentou uma melhora de 4,8 pontos em relação ao mês de outubro deste ano, saindo de 47,8 para 52,6 pontos. Isso significa que, diferentemente do mês passado, em novembro o empresário capixaba percebeu boas condições para o seu negócio. Para o Brasil o crescimento foi ainda mais acentuado, com um aumento de 6,9 pontos em relação a outubro/2018, e 1,2 ponto na comparação interanual.

ÍNDICE DE EXPECTATIVAS

Em novembro desse ano, houve um aumento de 9,5 pontos no índice de expectativas do Espírito Santo em relação ao mês imediatamente anterior. Isso mostra um elevado otimismo do empresário capixaba em relação aos próximos seis meses. Na comparação interanual o avanço foi de 8,7 pontos, registrando 69,4 pontos. No Brasil, o índice registrou 68,5 pontos, um crescimento de 10,7 pontos comparado com outubro/2018 e de 9,6 pontos em confronto com novembro/2017. É interessante constatar que tanto para o Espírito Santo quanto para o Brasil o índice de expectativas alcançou o maior valor desde junho de 2010, resultado associado às eleições.

COMPOSIÇÃO DO ICEI DO ESPÍRITO SANTO

O índice de condição atual dos negócios atingiu a melhor marca do ano, alcançando 52,6 pontos, demonstrando confiança dos industriais em todos os componentes do índice. Com destaque para o indicador de condição atual da empresa que atingiu neste mês 53,3 pontos. Tendo sido o único que cresceu na comparação com o mês anterior (+4,5 pontos) e na interanual (+0,6 pontos). Os demais indicadores cresceram apenas em relação à outubro/2018, nessa base de comparação o indicador de economia brasileira cresceu 6,1 pontos e o de economia estadual 4,9 pontos, atingindo em novembro/2018 50,5 e 51,7 pontos, respectivamente. Em novembro/2018, o índice de expectativas dos empresários capixabas atingiu a maior marca em oito anos, isto retrata um otimismo em relação aos próximos seis meses, com todos os seus componentes acima da marca de 60 pontos. A expectativa em relação a economia brasileira alcançou 69,4 pontos, e cresceu 11,9 pontos em relação à outubro/2018 e 12,4 pontos quando comparado a novembro/2017. Por sua vez, o indicador de economia estadual cresceu 9,5 e 10,3 pontos em relação ao mês de outubro/2018 e novembro/2017, nessa ordem, atingindo 67,8 pontos em novembro/2018. Por fim, o índice de expectativa das empresas marcou 69,6 em novembro desse ano.

CONFIANÇA DA INDÚSTRIA EXTRATIVA E TRANSFORMAÇÃO E CONSTRUÇÃO AUMENTA

Em novembro de 2018 todos os segmentos da indústria capixaba apresentaram melhora no nível de confiança. O resultado significativo deles foi o da Indústria de Extração e Transformação que atingiu 63,7 pontos, ficando 6,6 pontos acima do registrado em outubro/2018 e 7,2 pontos maior que novembro/2017. A confiança dos empresários da indústria da construção registrou 62,3 pontos em novembro/2018, nível muito superior ao observado no mês anterior, com um aumento de 14,7 pontos. No comparado com novembro/2017 houve uma alta de 1,8 pontos.

SOBRE A PESQUISA

Período: 1 a 14 de novembro 2018.

Perfil da amostra: 93 empresas, sendo 15 pertencentes à indústria da construção.

Porte das empresas: 33 pequenas, 40 médias e 20 grandes empresas.

Informações metodológicas: O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) é um indicador mensal, elaborado em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), que reflete a maneira pela qual os empresários avaliam as condições atuais e as expectativas para os próximos seis meses. Essas informações são em relação a economia brasileira, a economia estadual e às próprias empresas.

(Fonte: Ideies)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui